Arthorius

Arthorius

- SALVATORE PRIMI POPULI -

Elfo Mago - Tempestade Arcana

Arthorius foi abandonado ainda criança nos portões da majestosa escola de arcanismo de Darewond, Magiron. Junto a ele estava apenas um anel de platina com a inscrição em elfico “Arthorius” e uma carta com os dizeres: “A meu filho deixo o símbolo de nossa família para que algum dia possa nos encontrar na terra das florestas”. Embora estivesse em um local de aprendizado, ele pouco aprendeu em sua infância. Ficava escondido assistindo de longe as aulas lecionadas para os alunos pagantes. Trabalhava como um serviçal, limpando as salas e cozinhando para os professores.

            Um dos professores tinha um exímio desprezo por Arthorius, o mestre de invocações Turion Melkaya, dizia que esse não era seu lugar e que deveria procurar sua família e ir embora de Magiron.

            Em sua adolescência fugiu para as terras ao norte de Darewond, onde encontrou seu mestre Solarium, um mago controlador do fogo. Ele lhe ensinou os conhecimentos arcanos por anos e depois seguiu viajem lhe presenteando com um grimório de magias.

            Chegou então a vila de Cellus onde defendeu seus habitantes de uma invasão nômade, unindo-se a um grupo de corajosos aventureiros. Assim ele segue aprimorando seus conhecimentos para que possa achar sua família e para que algum dia possa mostrar aos professores de Magiron que se tornou um mago a muito mais poderoso que todos eles, especialmente a Turion Melkaya.